II Legislatura

 

I I   L E G I S L A T U R A

BIÊNIO 1989  a  1990


Na sessão Solene de Renovação de Legislatura e Posse dos Vereadores, o  ato  solene  realizado  no  Plenário  da Câmara Municipal, foi presidido pelo
Vereador Joaquim Mansano Joerente, que abriu a sessão e, ato contínuo empossou os vereadores eleitos em 15 de novembro  de 1988, para a segunda Legislatura da Câmara Municipal de Água Boa, Estado de Mato Grosso, sendo os seguintes Vereadores:

Vereador Adelar Fusinato - PMDB
Vereador Heleno Gatto - PMDB
Vereador Irineu Vian - PFL
Vereador Ivamilton Franco Cordeiro - PMDB
Vereador Jolmir Antoninho Pezzini - PFL
Vereador José Ari Zandoná - PFL
Vereador Maurício Cardoso Tonhá  - PFL
Vereador Otacir Romano Riva  - PFL
Vereador Pedro Josino dos Santos - PMDB

Nessa mesma sessão tomaram posse como prefeito eleito, o Senhor Luiz Elias Abdalla do Partido da Frente Liberal e como vice-prefeito o Senhor Luiz Schuster pelo Partido Trabalhista Brasileiro. Nessa mesma sessão solene foi procedida a eleição da Mesa Diretora da Câmara Municipal para o biênio 1989 a 1990, ficando assim constituída:

Presidente: Maurício Cardoso Tonhá
Vice-presidente: José Ari Zandoná
Secretário: Jolmir Antoninho Pezzini
2° Secretário: Heleno Gatto

Os Vereadores da Segunda Legislatura tiveram muito trabalho pela frente. Foi neste biênio que foram aprovados através de Lei Municipal, os Símbolos Municipais, dando assim uma identidade ao nosso município. Para que houvesse a participação popular, foi realizado nas escolas estaduais do município, projeto para que todos os alunos participassem da elaboração dos desenhos que posteriormente seria escolhido por eles e pelas autoridades qual seria o símbolo ideal para o município, que seria a bandeira e o brasão.  Após recolhidos centenas de desenhos, uns contendo a bandeira do Município e outros o brasão, aconteceu no Plenário da Câmara Municipal a escolha dos símbolos, com diversos alunos, professores e autoridades presentes.

A Câmara Municipal de Água Boa, através de uma Sessão Solene, em data de 30 de outubro de 1989, instalou a Câmara Municipal Organizante, para a elaboração da lei Orgânica do município.

Foi neste biênio que os Vereadores da Câmara Municipal trabalharam diuturnamente, juntamente com o segmento da sociedade aguaboense na feitura da Lei Orgânica do Município, em que os estudos foram realizados com a divisão de duas comissões, ou seja: a Comissão Capitular I e a Comissão Capitular II. Essas comissões trabalharam seis meses juntamente com  a  população  no sentido de elaborar uma lei que viesse atingir os anseios
da população.  A Comissão Capitular I, teve como presidente o Vereador Heleno Gatto e a Comissão Capitular II foi presidida pelo Vereador Otacir Romano Riva.   A  Comissão  Geral  da  Câmara  Municipal Organizante ficou
assim constituída: Presidente: o vereador Maurício Cardoso Tonhá, Vice-Presidente: Vereador Jolmir Antoninho Pezzini e o Relator Geral, o Vereador Adelar Fusinato.

Nesse entremeio, após o pedido de afastamento em caráter definitivo solicitado pelo Vereador Pedro Josino dos Santos, que por motivos particulares solicitou renúncia de seu cargo de vereador, assumiu as funções legislativas,  o  primeiro   suplente   de  vereador  pelo  Partido  do Movimento
Democrático Brasileiro, o Vereador Joaquim Cajueiro, que deu continuidade ao seu trabalho e ajudou na elaboração da Lei Orgânica do Município.

Ainda nesse período, após um vendaval e chuvas torrenciais a Câmara Municipal sofreu desabamentos em sua estrutura danificando o prédio e, com isso teve que sofrer reformas urgentes.

Após esse longo trabalho dos vereadores, foi realizada a Sessão Solene para a Promulgação da Lei Orgânica do Município de Água Boa, no dia 02 de abril de 1990, com a presença de várias autoridades do Município e região e, após a sessão solene, a Câmara Municipal ofereceu aos aguaboenses e autoridades, um bonito coquetel,  que foi realizado na Associação Atlética Banco do Brasil e, presenteou Água Boa, que iria completar seus 15 anos de fundação, em data de 09 de julho de 1990, com a Promulgação da Lei Orgânica do Município de Água Boa, lei essa que regerá os destinos de nosso município.

Ainda nesse período foi dado segmento as elaborações das leis complementares, sendo aprovadas neste biênio: o Código Tributário, a Lei de Criação de Cargos e Funções ou Empregos Públicos, a Lei Instituidora do Regime Jurídico dos Servidores Municipais, o Código de Postura, o Código de obras e a Lei Instituidora da Guarda Municipal.

Em seu mandato, o Vereador Maurício Cardoso Tonhá, realizou Sessão Solene no dia 06 de julho de 1990, com a finalidade de entregar Títulos de Cidadãos Aguaboenses, aos senhores: Ilustríssimo Senador da República, Senhor Jonas Pinheiro, pelos relevantes serviços prestados a agricultura brasileira,  ao  ilustríssimo  senhor  José  Antonio  Pita  Sassioto, por ter sido o
primeiro Gerente da Agência do Banco do Brasil de Água Boa – MT, à Senhora Gertrudes Schwantes, como Colonizadora ao lado de seu esposo
Norberto Schwantes e, ao ilustríssimo Senhor Evandro Alberto de Oliveira Bonini, como colaborador no desenvolvimento do Município.

Nessa mesma sessão procedeu-se a entrega de condecorações em homenagem aos serviços prestados ao Município de Água Boa aos senhores: Paulo Jacob Thoma, como o primeiro agricultor a desbravar as terras do município de Água Boa, a Arnildo Lorenz, como sendo o primeiro morador da Agrovila de Água Boa, ao Senhor Pedro Ross  por ter sido o primeiro administrador indicado pelo Governo do Estado para Água Boa e, ao Senhor Germano Luiz Zandoná por ter sido o primeiro prefeito eleito do município.

Nesse biênio, assumiu interinamente em data de 20 de agosto de 1990, o suplente de Vereador Ismael David de Rezende, no lugar do Vereador Heleno Gatto que teve sem mandato cassado por infringir o artigo 33 da Lei Orgânica do Município. Como não foi dado o direito de defesa ao Vereador Heleno Gatto, após uma liminar, retomou ao seu cargo de Legislador.  Ismael Davi de Rezende,  assumiu com brilhantismo, sempre com seriedade em tudo o que fazia e, sempre se pautando na democracia e na força de seu trabalho, fez inúmeras solicitações ao Executivo, no sentido de ajudar principalmente o povo do interior do município.

Com a saída da Secretária Geral e Técnica em Contabilidade da Câmara Municipal, Senhorita Miriam Langer, foi contratada a Senhorita Gélci Giacomolli para desempenhar as funções de Técnica em contabilidade e a funcionária Inez Trentin Zandoná desempenhou provisoriamente as funções na Secretaria Geral.
Assim encerrou-se o período da presidência do Vereador Maurício Cardoso Tonhá, um Vereador atuante , perspicaz, com visão de futuro  e, que com inteligência ajudou a fazer a história do Município de Água Boa.


II   L E G I S L A T U R A

B I Ê N I O   1991 a 1992



Terminada a gestão do Presidente Maurício Cardoso Tonhá, em data de 15 de fevereiro de 1991, realizou-se Sessão Solene para Eleição e Posse da Mesa Diretora, que conduzirá os trabalhos da Câmara Municipal no biênio de 1991 a 1972.  Realizada a eleição, a Mesa Diretora ficou assim constituída:

Presidente: Vereador Jolmir Antoninho Pezzini
Vice-presidente: Vereador Otacir Romano Riva
1° Secretário: Vereador Adelar Fusinato
2° Secretário: Vereador Irineu Vian

O presidente eleito, Vereador Jolmir Antoninho Pezzini conduziu os trabalhos legislativos com muita tranqüilidade e sempre olhando para o bem comum de toda a população. Com a saída da Secretária Geral da Câmara Municipal, no final da Legislatura passada, o Presidente entrante passou para o Cargo Comissionado a Senhora Inez Trentin Zandoná, que já era funcionária do Legislativo, para assumir as funções de Secretária Geral.

Foram aprovadas em sua gestão, as Leis que instituem o Código de Zoneamento Urbano, e o Código de Parcelamento do Solo, leis   importantes  para  o  desenvolvimento  da  zona  urbana de  nossa cidade.  Além desses projetos foram feitas algumas alterações em diversas Leis Complementares, já aprovadas pelo Plenário da Câmara Municipal em outras Legislaturas.

Em sua gestão, foram estudados muitos projetos de lei e, sancionadas pelo Prefeito Municipal oitenta leis, todas que vem em benefício de nosso município.

Durante esse biênio, dois suplentes de Vereadores assumiram interinamente,  sendo eles:  Vereador  Joaquim  Mansano  Joerente, em data
de 04 de novembro de 1991 e o Vereador Derli Weissheimer em data do dia 18 de novembro de 1991. Esses Vereadores se dedicaram durante o período que   assumiram  à  Câmara  Municipal  de  uma maneira transparente, sempre
atuando de   forma  democrática  e  responsável,  para que o município de Água Boa se transformasse  em um lugar agradável e que todos tivessem oportunidades de trabalho.

Nesse biênio, a democracia era uma palavra que imperava na Câmara Municipal,   embora    houvesse   contrariedades   de    pensamentos,   mas   os
Vereadores eleitos, conscientes de que o município necessitava do trabalho legislativo, sempre trabalhou para que Água Boa se destacasse no cenário estadual. Assim termina a gestão do Presidente Jolmir Antoninho Pezzini, um presidente ordeiro, democrático e que pensava no progresso do município.

 

Escrito por: Inez Trentin Zandoná

Fale Conosco

Câmara Municipal de Água Boa - MT

Rua 09, nº 485 - Centro | CEP: 78635-000

Fones (66) 3468-1113 | Fax (66) 3468-2292

Horário de Atendimento: Segunda a Sexta-Feira das 07h às 18h